Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

Capitalismo "Made in China"

Pois é, tinha que acontecer... já todos sabíamos que mais dia menos dia que nem um ciclo vicioso que teima em não parar havia de aparecer mais uma noticia daquelas que QUASE que dispensam mais comentários, digo QUASE porque desta vez vou ter que dizer mais uma ou outra coisinha.

 

Quem por cá anda sabe que é prática recorrente essa história das FALSIFICAÇÕES e das IMITAÇÕES, o problema é que parece que há muito boa gentinha para a qual estas práticas não têm mesmo quaisquer limites, nem mesmo os da consciência (que é coisa que muito sinceramente a maioria dos chineses “de negócios” parecem nem sequer saber o que é, quanto mais TER). A China dos dias de hoje é isso mesmo, é uma China TOTALMENTE CAPITALISTA (aliás, como sempre foi) mas que já não tem tanto receio de o mostrar, até porque já percebeu que o MUNDO está todo para o mesmo... convém referir apenas como nota que uma das empresas já referenciadas como produzindo leite com estes problemas é a Yili um dos parceiros e patrocinadores das últimas olimpíadas o que deve querer dizer qualquer coisa.

 

Este capitalismo “selvagem” aliado à sede tipicamente chinesa de enriquecer e ser famoso e poderoso a todo e qualquer custo leva a todo o tipo de práticas das quais o mundo, a conta-gotas, vai tendo ALGUMAS imagens.

 

O recente caso do leite “contaminado” é, apenas, mais uma dessas pequenas gotas, mínimas e insignificantes como todas as outras que existiram anteriormente e todas as que ainda vão aparecer, hoje, amanhã e depois... toda a gente sabe que isso acontece, todos, incluindo os governantes que compram desse mesmo leite (que se sabe não estar em condições) para dar às crianças nas escolas...

 

Mas porquê tanto espanto?! Acham que é só na China que isso acontece?! Analisem convenientemente (e de forma isenta) por exemplo, o leite que o Ministério da Educação distribui nas escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico em Portugal... será que é leite de alta qualidade?! Mais do que o mandar analisar... provem-no... façam esse pequeno teste... provem-no e vejam se vos sabe ao leite que compram e que têm em vossas casas.

 

A diferença entre os dois casos é que a “falta de consciência” e a sensação de constante impunidade para estas situações que existe na China, leva a que as situações sejam mais gravosas e levam a doenças graves e mortes, caso contrário, ninguém saberia de nada...

 

Para finalizar, gostaria que pensassem numa coisa, numa coisa pequenina, um pequeno detalhe que passou e passa despercebido à maioria. Segundo os últimos desenvolvimentos a “contaminação” com Melamina servia o propósito de “enganar” os testes de proteínas e fazer passar nos mesmos, leite sem qualidade, agora imaginem em que condições estarão estes animais que nem leite conseguem produzir com o mínimo de qualidade para passar nos (supostos) testes...

 

Dá que pensar...

 

 

Tempo para hoje:
Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

Os Jogos Olímpicos da Boa Educação ou Como fazer Pierre de Coubertin* dar voltas na tumba

Pois é, agora que estamos a 25 dias (e a contagem decrescente continua) para o início dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, chegou a hora dos responsáveis pelo evento universal virem dar um “arzinho da sua graça” mostrando ao mundo o resultado dos seus “T.P.C.”.

Zhang Zhenliang (fixem este nome pois desconfio que ainda vão ouvir falar muito dele) é o subdirector do departamento de voluntários do BOCOG (Beijing Organizing Comité Olympic Games) e, em conferência de imprensa, veio dar conta das “novas” regras a respeitar pelos espectadores que resolverem deslocar-se a Pequim para assistirem aos jogos. Segundo o responsável chinês, para além de comprarem bilhetes (obvio) os espectadores vão ter que cumprir um conjunto de 26 regras impostas pelo BOCOG (só?! Dirão os chineses!!).

O BOCOG especifica a coisa e diz que essas regras (editadas em livro) serão 22 restrições e 4 proibições visando, passo a citar o Sr. Zhang Zhenliang “...manter a ordem e a segurança”.

O Sr. Zhang Zhenliang apelou ainda aos espectadores que MEMORIZEM (coisa nunca vista na China, eles quase nem memorizam nada...) as normas olímpicas.

Do “livrinho” das regras e códigos de conduta durante os Jogos Olímpicos é possível retirar dúvidas acerca de algumas das proibições, vejamos alguns exemplos:

- não se podem tirar fotos com flash nos locais olímpicos;

- Máquinas de filmar e rádios não entram nos recintos;

- E estão proibidos comportamentos como a embriaguez, a nudez, o jogo (por esta é que eu não esperava), as manifestações (a sério!?), concentrações e protestos (quem diria?!).

As regras que foram promulgadas na passada segunda-feira aconselham ainda os espectadores a não trazerem cartazes ou panfletos de publicidade comercial, religiosa, politica, militar, de defesa dos direitos humanos ou de protecção animal ou ambiental (atenção que a ordem não é minha, é do Sr. Zhang Zhenliang) pois, segundo o mesmo responsável, estes VIOLAM OS PRINCIPIOS DO EVENTO OLIMPICO. (obviamente que sim, nunca uns jogos olímpicos serviram para fins PUBLICITÁRIOS e/ou de promoção RELIGIOSA, POLÍTICA, MILITAR ou outra... mas é que NUNCA na vida)

O BOCOG (não satisfeito com as proibições anteriores) enumera ainda uma lista de objectos proibidos como instrumentos musicais, buzinas, isqueiros fósforos ou outros e ADVERTE que é MAU PRINCIPIO abrir os guarda-chuvas e/ou sombrinhas durante os eventos desportivos (isso agora é que vai ser um GRANDE PROBLEMA... ai vai vai... proibir tudo o resto ainda vá, agora as sombrinhas é que não... isso é como tirar o oxigénio do ar que eles respiram). Serve tudo isto para, citando mais uma vez o “alto responsável” chinês, “...assegurar um ambiente de ordem, alegria e harmonia”.

No ponto seguinte, foi informado que a formação dos 800 mil voluntários que começou a ser efectuada no início do corrente mês inclui as chamadas “rotinas para incentivar os atletas”. Desta forma, aos voluntários, foi ensinado a APLAUDIR em quatro passos com lemas fáceis de memorizar (sem comentários!!), já tendo aprendido igualmente que têm que se levantar quando soarem os hinos nacionais dos diversos países (UAU!!) e que no final tem que apanhar o lixo (Ah bem, OK, afinal é mesmo fácil, 1- Levantar; 2– Aplaudir; 3- Apanhar o lixo. Até eu já MEMORIZEI). Por fim, e ainda segundo o mesmo responsável, de referir apenas que o “livro das regras” será fornecido com a compra do bilhete para o evento e que terá uma linguagem simples e directa. (ou como se diz em BOM PORTUGUÊS, será CURTO e GROSSO!)

Dispensa mais comentários, adoro ver toda esta HARMONIA e LIBERDADE. Por este andar vamos ter uns Jogos Olímpicos fantásticos... com toda a NATURALIDADE...

 

* Pierre de Frédy (Paris, 1 de Janeiro de 1863Genebra, 2 de Setembro de 1937), mais conhecido pelo seu título nobiliárquico de Barão de Coubertin, foi um pedagogo e historiador francês, tendo ficado para a história como o fundador dos Jogos Olímpicos da era moderna.

 

Tempo para hoje:
Terça-feira, 13 de Maio de 2008

Por cá a coisa anda "tremida"

Pois é caros amigos, creio que é escusado informar-vos acerca do terramoto que aconteceu cá pelas terrinhas chinesas.Foto - Sapo

 

Apesar de nem sequer o ter sentido (muita gente por aqui diz que sentiu) a verdade é que o fenómeno tem dominado a actualidade diária de tudo o que é meio de comunicação social por cá e um pouco por todo o mundo.

 

O curioso em tudo isto, e a principal razão pela qual resolvi trazer o assunto a lume, é a forma como as autoridades chinesas lidam com tudo isto.

 

Apesar de estar muito longe da província mais atingida são enúmeras as noticias que de lá chegam a todos os minutos, dando conta da incapacidade das autoridades locais em lidar com o fenómeno por si só trágico e agravado pela incapacidade em lidar com as consequências.

 

Nitidamente, a China, como muitos outros países no mundo, não está preparada para fazer face a uma catástrofe deste ou de outro tipo, os hospitais são escassos e apresentam enumeras deficiências... não estão minimamente capacitados para receber a quantidade que pessoas que deles têm necessidade. Mas, mais uma vez, até aí, está tudo “normal” ninguém tem capacidade para prever este tipo de coisas, mas o que realmente me deixa “danado” é ver na TV pessoas vivas a quererem lutar pela vida debaixo dos escombros e não haver ninguém para as ajudar e são vários os exemplos disso que vão circulando, nomeadamente em fotografia, pelo mundo. Cadê o poderoso (e muito NUMEROSO) exército chinês?! Onde é que eles andam? A fazer guarda de honra e de vigia a meia-duzia de monges no Tibete?!

 

Creio que realmente (Deus, para quem Nele acreditar ou) a natureza conseguem revelar as verdades por detrás dos panos e mostrar quem é e o que é a China, a verdadeira China para além das Tochas Olímpicas e Paradas Militares. É um país com fracos e débeis recursos onde a vida humana tem um valor tão baixo comparado com a “vergonha” de PEDIR AJUDA estrangeira para que assim se salvem mais vidas.

 

Feliz (ou infelizmente, pela sua gravidade e dimensão) este foi um fenómeno que as autoridades não conseguiram esconder ou deturpar como fazem com tantos outros que não passam da micro-esfera nacional e que o mundo nunca chega a conhecer ou, quando isso acontece, tem um desfasamento de dias ou semanas para que “o pior já tenha passado”.

 

Alguém precisa dizer BASTA a governos como o Chinês ou o Birmanês (não sei que raio é o Myanmar) que tem tido um comportamento em tudo idêntico recusando até as ajudas internacionais ou pondo ENUMERAS condições para que esta entre num país completamente destroçado.

 

Vergonha?! Vergonha é ver os “nossos” morrer e nada fazer para os salvar!!

 

Tempo para hoje:
Sábado, 3 de Maio de 2008

Mais Tibete, mais Tocha Olímpica e mais Atitudes Inclassificáveis

Falei-vos no meu ultimo post acerca da Tocha Olímpica e das manifestações que a acompanharam em torno do mundo. Hoje o tema continua o mesmo e, infelizmente, não é por bons motivos.

 

Com a entrada da Tocha em território chinês previa-se que as manifestações parassem de uma vez por todas, até porque não seriam mais toleradas pelo regime chinês.

 

Acontece que essa “febre” deixou de ser uma preocupação meramente de segurança (onde eu até aí concordava... de certa forma...) e estão a tomar uma proporção absurda mostrando realmente o regime e a mentalidade chinesa ao mundo, são os boicotes e manifestações contra a cadeia “Carrefour” (vá-se lá saber porquê) alimentadas e incitadas DIRECTAMENTE por uma representante máxima dos negócios estrangeiros chineses na TV (eu vi)

 

Mas pior que isso foram os “avisos” emitidos em Hong Kong nos últimos dias em que foi dito EXPLICITAMENTE aos cidadãos do território que não expusessem, ou usassem qualquer bandeira ou OUTRO QUALQUER SÍMBOLO que pudesse ser conotado com o Tibete, pois qualquer atitude do género seria classificada como INSULTUOSA ao regime chinês e ao executivo do território de administração especial.

 

Acontece que ontem a Tocha passou exactamente pelas ruas de Hong Kong num clima de muita festa (perfeitamente sincera e nada forjada ou condicionada), apenas uma excepção, uma mulher (não se sabe quem) que assistia numa rua à passagem da Tocha olímpica embrulhada numa bandeira do Tibete, segundo foi noticiado, a mulher em causa não se manifestou, não ostentou cartazes ou qualquer outro tipo de palavras de ordem, apenas permaneceu muda e calada assistindo à Tocha embrulhada numa bandeira tibetana.

 

O seu gesto foi considerado pelas autoridades mais do que suficiente para ser DETIDA e ser presente a TRIBUNAL onde, segundo as agencias noticiosas locais, vai ser julgada por TRAIÇÃO?!

 

E mais não digo...

 

Dá vontade de dizer apenas... “Tirem-me daqui que eu não sei andar nisto”...

 

Tempo para hoje:
Quinta-feira, 1 de Maio de 2008

Tocha Olímpica, Tibete e outras “Pedras no Hai*”

Já todos sabemos o que tem acontecido e sido noticiado acerca da viagem da Tocha Olímpica a caminho de Pequim, os movimentos “Pró-Tibete” como são apelidados são mais que muitos e vão-se reunindo de forma mais ou menos desorganizada mas sempre vão fazendo o seu “barulho” ensombrando a viagem da Tocha que se queria “linda de morrer”.

 

A verdade é que a preocupação da China com esse tipo de manifestações chega agora a um ponto CRITICO, mesmo MUITO CRITICO... se as manifestações que eles classificam (ou querem classificar como) “Anti-China” (ou apenas pelos direitos humanos) como dirão os mais moderados, foram de certa forma “toleradas” a quando da passagem da Tocha Olímpica pelo exterior havendo alguma repressão mas apenas nos momentos de confronto directo, a China tem agora preparada uma ACÇÃO quase MONSTRUOSA para impedir que algo desse tipo possa acontecer em território chinês e acreditem que isso não será MESMOOOOOOOOO tolerado.

 

As “Operações de Segurança”, como eles lhe chamam, chegam a tomar proporções quase absurdas (aos meus olhos) mas perfeitamente “normais” aos olhos de qualquer chinês que se preze. Sabiam que, por exemplo, em muitos locais (para não dizer todos) o “público anónimo” que assiste ou vai assistir nas ruas à passagem da tocha não é tão anónimo assim?!

 

É verdade... tudo está a ser preparado com “pompa e circunstância” para que nada falhe... e, para que nada possa falhar, nada melhor que CONTROLAR todos os factores, incluindo o factor HUMANO (o mais passível de ser problemático e causar “vergonhas”) que, para assistir (e apoiar) a passagem da Tocha, tem que ser previamente identificado e assinalado o seu local de “poiso”...

 

E assim fica tudo muito bonito... pelo menos na FOTOGRAFIA...

 

Porque nem tudo são “anedotas” aqui fica este apontamento para quem quiser “analisar”...

 

P.S.: confesso que consultei o meu dicionário à procura da palavras LIBERDADE em chinês... e para surpresa minha... existe...diz-se "Chi Iao" mas cá para mim não deve haver muitos dicionários com essa página...

 

*- Atenção que no título escrevi "no Hai" não confundir com "na Hai" não vá algum leitor engraçadinho saber chinês

 

Tempo para hoje:
Terça-feira, 1 de Abril de 2008

Efeito “Kitty”

Olá mais uma vez... cá estou eu de volta para vos falar de um assunto muitíssimo interessante (como sempre)... o tema esse, esbarra sempre (ou quase) no mesmo... SOCIEDADE... mais propriamente a sociedade chinesa que a cada dia aprendo a conhecer (e só eu sei quanto me custa)... mas como dizem aqui “mou man tai” que quer dizer mais ou menos “sem espiga” ou em português à séria “não há problema”...

 

Lembram-se da “famosíssima” (raios a partam) gata “hello kitty”?! (então não!!) pois passa também por ela o tema de hoje... de uma forma digamos... indirecta... mas ela está sempre presente... isto porque resolvi chamar ao post de hoje... EFEITO “KITTY”... e porquê? Porque não é só a (estúpida) da boneca em si que é um problema... mas gera à sua volta um conjunto de efeitos secundários (e terciários) que, em bom português, “lixam” toda uma sociedade.

 

Alguém disse uma vez uma frase muito gira a qual não sei reproduzir exactamente mas também não interessa nada até porque nem tenho bem a certeza que alguém alguma vez tenha mesmo dito isso e se calhar até sou eu que estou a inventar a frase e penso que alguém já a disse antes numa espécie de “deja vu” que não sei explicar a razão e que muito provavelmente se deve simplesmente ao facto de estar nesta terra à demasiado tempo e de hoje estar a chover “a cântaros”. (GOSTARAM DESTE MEU MOMENTO SARAMAGO?! Acho que, como ele, também merecia um “Nobél”)

 

Mas vamos à frase: Uma sociedade caracteriza-se pelos seus ídolos/heróis. (ou outra qualquer coisa assim) o que importa na verdade é reflectir e perceber para onde vai uma sociedade que tem como ídolos a gata Hello Kitty e o gato Doraemon (sim, para quem não sabe, o Doraemon também é um felino).

 

Bem sei que ROMA (dizem) se fundou muito à custa de uma “loba” mas não sei até que ponto se pode considerar estes “animais” animados como capazes para tomarem em mãos um serviço como o de comandar a sociedade chinesa (e sem piadas para as capacidades mágicas do gato azul).

 

O facto é que ELES... dominam a sociedade e são mais famosos que a Madonna e o Michael Jackson (e não precisaram nem de fazer filmes porno nem de molestar criancinhas... que eu saiba...)...

 

E como já estão fartinhos de conversa deixo-vos com um momento que demonstra claramente (para quem souber VER) tudo aquilo que acabei de vos contar.

Tempo para hoje:

Informação NADA Interessante

pesquisar

 

Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Chinesices

Capitalismo "Made in Chin...

Os Jogos Olímpicos da Boa...

Por cá a coisa anda "trem...

Mais Tibete, mais Tocha O...

Tocha Olímpica, Tibete e ...

Efeito “Kitty”

Chinesices mais Antigas

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

tags

todas as tags